quarta-feira, 6 de abril de 2011

A grama do vizinho....


Há um ditado que diz: "A grama do vizinho sempre é mais verdinha". Há pessoas que nunca estão satisfeitas com sua condição. Sempre estão olhando a condição do outro - o emprego do outro é melhor, o casamento do outro é melhor, os filhos do outro são melhores, a família do outro é melhor, o cargo do outro é melhor, o ministério que o outro desempenha é melhor e assim vai... Fica sempre estagnado pensando no que poderia ter sido se... ao invés de olhar para si mesmo. Devemos ter nosso coração grato pela nossa condição de hoje, afinal ela foi fruto de uma escolha. Se foi  uma má escolha, não fique se lamentando, e nem se conforme, mas comece uma caminhada rumo a dias melhores. Enxergue as suas oportunidades ao invés de ficar olhando as oportunidades dos outros. Se elas não aparecem para você, cave-as!! Não se lamente pelo que passou.... afinal passou! E o que passou não volta mais! Há uma frase de Bob Marley que diz tudo: "Os ventos que às vezes tiram o que amamos, são os mesmos que trazem algo que aprendemos a amar... Por isso não devemos chorar pelo que nos foi tirado e sim, aprender a amar o que nos foi dado. Pois tudo aquilo que é realmente nosso, não se vai para sempre". Então, não devemos nos preocupar com o  que se foi... Enquanto olhamos a "felicidade" do outro, esquecemos de olhar para a nossa própria felicidade. A felicidade é construída com os tijolos da pequenas alegrias diárias. Pequenos milagres que nos fazem felizes: podermos acordar todas as manhãs, uma declaração singela de amor de um filho, alguém querido que se lembra de nós e nos faz uma visita, a saúde, se está doente, a esperança da melhora. E algo que nunca pode ser deixado de lado é nossa gratidão ao Senhor por nos ter dado a Salvação em Cristo Jesus. Há uma chance de regeneração!! Esse tipo de gratidão o Rei David expressa muito bem no livro de Salmos. Se você não acha motivos para ser grato a D-us, abra sua Bíblia no livro de Salmos e aprenda com o Rei David, com Asafe e outros que souberam muito bem esse tipo de expressão de louvor. Pare de ficar olhando a grama do seu vizinho e cuide da sua própria grama, apare-a quando necessário, adube-a, cuide dela para que sempre esteja verdinha, mesmo no período de seca!!

Um comentário:

  1. Perfeito.
    É assim mesmo q funciona.
    O meu jardim é tão ou mais bonito que o do vizinho, depende da forma q eu o vejo, o meu vejo sempre lindo e muito florido.
    Bjim

    ResponderExcluir