quinta-feira, 21 de outubro de 2010

E a luta continua companheiros ....

Fiquei no mínimo espantada (certas coisas já não me assustam rsrs) quando navegando pelas notícias do "Mundo Gospel" me deparei com uma guerrinha, se podemos assim chamar as alfinetadas entre o Bispo Edir Macedo(http://bispomacedo.com.br/blog/ - dia 16/10/2010) e o Pastor Silas Malafaia(http://www.overbo.com.br/portal/2010/10/21/vamos-ver-quem-e-o-falso-profeta-se-sou-eu-ou-ele-diz-silas-malafaia-sobre-bispo-edir-macedo/). Um a favor de Dilma (PT) e outro a favor de Serra (PSDB). A motivação para tal guerrinha seriam as posições morais de cada um dos canditados. Será? O que realmente motiva tudo isso? Bem, as alfinetadas não me espantariam, se partissem de dois candidatos políticos que em reta final de campanha apelam para tudo, afim de se degladiarem e conseguirem mais algumas centenas de votos dos indecisos. São insultos de todo tipo de natureza, mas... partindo de dois líderes religiosos, conhecedores da Palavra de D'us, confesso que ainda isso me espanta.Vivemos em uma Democracia Democracia ("demo+kratos") é um regime de governo em que o poder de tomar importantes decisões políticas está com os cidadãos (povo), direta ou indiretamente, por meio de representantes eleitos — forma mais usual.), sendo assim temos a liberdade de apoiar quem quer que seja, em nosso caso específico, apoiar aqueles que nos trarão maiores benefícios sejam eles econômicos, sociais, financeiros etc. Mas o que tudo isso tem a ver com o Reino de D'us? O que tal guerrinha acrescenta ao povo? Afinal, o que esses dois servos de D'us estão defendendo? Afinal, como cristãos o que estamos apoiando? 
Em meu ponto de vista, certas preocupações estão vindo tardiamente. Aliás, essas preocupações afloram, geralmente, em época de campanha eleitoral, época na qual as pessoas vêem seus "direitos" ameaçados. Acho isso no mínimo curioso. Por que a Igreja do Senhor não se preocupou com certas causas, que agora ocupam as principais pautas de debates, antes? Só agora estão vendo os seus direitos ameaçados? E os direitos dos outros como ficam? Cada um quer defender os seu direito.... e a Igreja, como se posiciona com relação a isso? No tempo no qual os cristãos deveriam se unir, há discórdias, discussões vãs que não enriquecem em nada o Reino de D'us. Se nós como cristãos, tivéssemos nos posicionado há alguns anos atrás, cumprindo a missão para a qual o Senhor nos convocou, certamente hoje, não estaríamos perdendo nosso tempo discutindo questões que já estariam definidas. Nessa guerra não há mocinhos nem bandindos, anjos nem demônios, mas sim pessoas que estão militando em causa própria. O coletivo geralmente e deixado de lado, é a lei do "salve-se quem puder". E nós como cristãos, como iremos nos posicionar? Não digo aqui vamos votar em A ou B, por que isso vai da consciência de cada um, mas o que posso garantir é que o interesse geral da nação, mas uma vez irá pelo ralo abaixo. E a luta continua, companheiros!!!! Afinal é para o bem geral!!!

4 comentários:

  1. É pastora Claudia, não é brinquedo não! A coisa está feia mesmo.

    Bruno Nakakura

    ResponderExcluir
  2. E o pior é que não tende a melhorar, muito pelo contrário... mas, sejamos otimistas rsrs

    ResponderExcluir
  3. É uma vergonha mesmo...Dois líderes religiosos dividindo opiniões e atacando um ao outro pq um está apoiando tal político...é uma situação complicada e o q é pior: não leva a lugar nenhum!Como vc disse, cada um só quer saber de defender seus próprios interesses e não pensam no coletivo!Eu já vi líder falando p/ igreja votar em fulano,do contrário não tem alinça com esta(igreja)...ou seja...usando a fé das pessoas como meio para manipulação!Triste isso! Mto bom o artigo!saudades!bjos

    ResponderExcluir
  4. Lamentável que na década que estamos ainda se vê esse tipo de comportamento. Creio que Deus não defende partido político e sim uma postura crista seria. Um pastor com o coração verdadeiramente dedicado a Deus cuida de suas ovelhas e não perde seu tempo defendendo um ou outro partido político. Cada um sabe que seu voto tem q ser conciente para que o Brasil tenha uma grande mudança!! Beijos amiguita

    ResponderExcluir